sábado, 10 de dezembro de 2016

INVESTIMENTOS: Danone anuncia investimentos de mais R$ 80 milhões em Poços de Caldas

Danone anuncia investimentos de mais R$ 80 milhões em Poços de Caldas
Em 2017 a empresa terá um investimento de mais de R$80 milhões

O vice-presidente de Assuntos Corporativos da Danone, Wilson Mello Neto, esteve em Poços de Caldas na manhã desta sexta-feira (9), para anunciar novos investimentos da empresa no município. Em 2017, terá início a implantação de uma nova linha de produção, com investimentos de R$ 80 milhões e expectativa de geração de 50 novos empregos diretos.

O anúncio foi feito no gabinete do prefeito Eloísio do Carmo Lourenço. O vice-presidente destacou que, quando da inauguração da nova planta da multinacional francesa no Distrito Industrial, em junho deste ano, a empresa já havia anunciado a possibilidade da ampliação da fábrica, agora com alguns produtos da linha médica.

“Agradecemos a parceria de cinco décadas com o município de Poços de Caldas. Somos muito gratos por tudo que a cidade tem feito pela Danone”, destacou Neto. Ele também reafirmou o compromisso para a construção de uma nova unidade, também no Distrito Industrial, em área já em negociação entre a Prefeitura e a empresa.

O prefeito Eloísio do Carmo Lourenço falou dos resultados da política de fomento industrial adotada no município. “Quando assumimos a Prefeitura, a última multinacional inaugurada em Poços havia sido a Ferrero do Brasil, em 1997. Em quatro anos, inauguramos a alemã ThyssenKrupp e a nova unidade da Danone, que agora já anuncia novos investimentos no município”, afirmou.

Novos investimentos

Além do anúncio de novos investimentos da Danone em Poços, ainda nesta semana, foi assinado protocolo de intenções para a ampliação da empresa T&AG Armazéns e inaugurada a unidade da Sulminas Fios e Cabos, ambas no Distrito Industrial.

De 2013 até agora, foram investidos cerca de R$ 12 milhões em obras de infraestrutura no Distrito Industrial, que englobam pavimentação, meio-fio, sarjeta e galeria de águas pluviais, sendo R$ 4 milhões de recursos do Estado e R$ 5 milhões da Prefeitura, além das obras de implantação de rede de distribuição de energia elétrica pelo Grupo DME (R$ 2,6 milhões) e de água e esgoto, pelo DMAE (R$ 500 mil).

Fonte/foto: PMPC
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...